ALBUQUERQUE, Pedro Autran da Matta

     Nasceu na capital baiana a 1o de fevereiro de 1805, tendo falecido em 31 de outubro de 1881, no Rio de Janeiro. Seu pai era francês de nascimento e naturalizado brasileiro, motivo pelo qual, presumivelmente, estudou na França tendo se graduado na Faculdade de Direito de Aix, em 1827, concluindo posteriormente o doutourado. De regresso ao Brasil, ingressou no magistério da Faculdade de Direito do Recife, onde ensinou diversas disciplinas ao longo de cerca de meio século. Produziu obra significativa na cadeira de economia política, a que dedicou diversos compêndios, tendo traduzido os Elementos de economia política  de Stuart Mill (Bahia, 1833). Traduziu ainda o Direito natural privado de Francisco Nobre Zeillen (Pernambuco: Typ. de Manuel Figueroa de Faria, 1840; 2. ed. na mesma editora, em 1852). Na década de cinquenta travou uma polêmica com Antonio Pedro de Figueiredo, a propósito do socialismo, e, em 1870, com Tobias Barreto, por questões religiosas.

Bibliografia:

Elementos de economia política.  Pernambuco : Typ. de Sanetos & Cia., 1844.  390 p.

Elementos de direito natural e privado.  Pernambuco : Typ. Imparcial, 1848.  186 p.

Elementos de direito público geral e particular.  Pernambuco : Typ. Imparcial, 1848.  180 p.

_____.  2.ed.  Pernambuco : Typ. Universal, 1854.  112 p.

Elementos do direito das gentes.  Pernambuco : Typ. União, 1851.  100 p.

Novos elementos de economia política.  Pernambuco : Typ. de Sanetos & Cia., 1851. 198 p.

Elementos de direito público universal.  Pernambuco : Typ. Universal, 1857.  112 p.

_____.  5. ed. corrigida e melhorada.  Pernambuco : Guimarães e Oliveira, 1878.

Preleções de economia política.  Pernambuco : Typ. Brasileira, 1859.  59 p.

_____.  2. ed. melhorada.  Paris : Imp. de Simon Rangon & Cia., 1862.  240 p.
 
O poder temporal do Papa.  Pernambuco, 1862.

Reflexões sobre o sistema eleitoral.  Recife : Typ. Com. de Geraldo Henriques da Mira & Cia., 1862. (Em colaboração com João Silveira de Souza).

Apologia do catolicismo e dos soberanos pontífices Gregório XVI e Pio IX.   Pernambuco : Typ. do Correio Pernambucano, 1869.

Preleções de direito público universal sobre o compêndio do sr. conselheiro Autran.  Pernambuco : Typ. Liberal, 1871.

Manual de filosofia extraido de diferentes autores.  Pernambuco , 1874.

Manual de economia política.  Rio de Janeiro , 1874.

_____.  2. ed.  1880.  310 p.

Cathecismo de economia política para uso das escolas normaes do Império.  Rio de Janeiro, 1880.

Filosofia do direito privado, para uso das faculdades de direito, das escolas normaes e seminários do Império.  Rio de Janeiro : Laemmert, 1881.

Estudos sobre o autor:

BLAKE, Sacramento.  Dicionário bibliográfico brasileiro.  Rio de Janeiro : Conselho Federal de Cultura, 1970.  v. 7.  p. 21-23.
 
LARA, Tiago  Adão.  Tradicionalismo católico em Pernambuco.  Recife : Massangana, 1988.  p. 76.

VEIGA, Gláucio.  Pedro Autran da Matta e Albuquerque.  In : _____.  História das Idéias da Faculdade de Direito do Recife  : período Olinda.  Recife : Universitária, 1980.  v. 4, p. 287-293.