AZEVEDO, Fernando de

     Nasceu em Minas Gerais a 2 de abril 1894. Bacharelou-se pela Faculdade  de Direito de São Paulo. Seguiu, nesse último Estado, a carreira do magistério, pertencendo ao Corpo Docente do Instituto Caetano de Campos, posteriormente incorporado à Universidade de São Paulo, com a denominação de Instituto de Educação. Entre 1926 e 1930 exerceu a direção da Instrução  Pública no Distrito Federal (Rio de Janeiro), tornando-se, alguns anos mais tarde, diretor da Instrução Pública no  Estado de São Paulo (1933). Ao longo da década de trinta está presente a toda a polêmica educacional que então teve lugar, tendo sido um dos principais animadores da chamada Escola Nova, com participação destacada no processo de criação da universidade brasileira. Para figurar como volume introdutório do Recenseamento de 1940, elaborou o livro Cultura brasileira, que viria a constituir marco significativo na história do pensamento nacional. Nesse mesmo período exerceu a presidência da Associação Brasileira de Educação. Dirigiu, nos anos de 1941 e 1942, a Faculdade de Filosofia Ciências e Letras da Universidade de São Paulo. Na Universidade  de São Paulo, foi ainda, durante largo período, membro do Conselho Universitário. Exerceu o cargo de Secretário de Educação do Estado e da Prefeitura de São Paulo, e de diretor do Centro Regional de Pesquisas Educacionais, ali sediado. Fundou, na Companhia Editora Nacional, a Biblioteca Pedagógica Brasileira e pertenceu a diversas associações internacionais. Foi membro da Academia Brasileira de Letras. Faleceu em São Paulo a 18 de agosto de 1974, aos oitenta anos.

Bibliografia:

Da educação física.  São Paulo : Weiszflog Irmãos, 1920.  306 p.

_____.  3. ed. rev.  São Paulo : Melhoramentos, 1960.  260 p.  il.

Antinous; estudo de cultura athletica.  São Paulo : Weiszflog Irmãos, 1920.

No tempo de Petrônio; ensaios sobre a antiguidade latina.  São Paulo : Globo, 1923.

_____.  3. ed. rev. e ampliada.  São Paulo : Melhoramentos, 1962.  190 p.  (Obras completas, 2).

Petronio y su tiempo; ensayos sobre antiguidad latina. Traduccion del portugues por Hector  Furad Miri.  Buenos Aires : Claridad, 1934.  265 p.

Jardins de Sallustio; a margem da vida e dos livros.  São Paulo : Globo, 1924.  226 p.

O segredo da renascença e outras conferências.  São Paulo : Nova Era, 1925.

A instrução pública no Distrito Federal.  Rio de Janeiro : Mendonça, Machado & Cia., 1927.

A reforma do ensino no Distrito Federal; discursos e entrevistas.  São Paulo : Melhoramentos, 1929.

Ensaios; crítica literária para o Estado  de São Paulo 1924-1925.  São Paulo : Melhoramentos, 1929.  240 p.

Máscaras e retratos; estudos literários sobre escritores e poetas do Brasil.  2. ed. rev. e ampliada.  São Paulo : Melhoramentos, 1962. 237 p.  (Obras completas, 5). (1a edição em 1929, sob o título “Ensaios”).

A evolução do esporte no Brasil.  São Paulo : Melhoramentos, 1930.  110 p.
Novos caminhos e novos fins; a nova política da educação no Brasil.  São Paulo : Companhia Editora Nacional, 1932.

_____.  3  ed.  São Paulo : Melhoramentos, 1958.  256 p.  (Obras completas, 7).

Principios de sociologia; pequena introdução ao estudo da sociologia geral.  8. ed. rev.  São Paulo : Melhoramentos, 1958. (Obras completas, 9).  (A 1a  edição é de 1935).

A educação pública em São Paulo; problemas e discussões.  São Paulo : Melhoramentos, 1937.  457 p.  (Biblioteca Pedagógica, série 5a . Brasiliana, 98).

A educação na encruzilhada; problemas e discussões.  2. ed.  São Paulo : Melhoramentos, 1960.  271 p.  (Obras completas, 6). (A 1a  edição intitulou-se a Educação pública em São Paulo).

A educação e seus problemas.  São Paulo : Companhia Editora Nacional, 1937.

_____.  3. ed.  São Paulo : Melhoramentos, 1953.  262 p.

_____.  4. ed. rev. e ampliada.  São Paulo : Melhoramentos, 1958.  2 v.

Sociologia educacional; introdução ao estudo dos fenômenos educacionais e de suas relações com os outros fenômenos sociais.  São Paulo : Companhia Editora Nacional, 1940.  (Biblioteca Pedagógica Brasileira, iniciação científica, série 4a, v. 19).

_____.  3. ed.  São Paulo : Melhoramentos, 1954.  324 p.

_____.  6. ed.  São Paulo : Melhoramentos, 1964.

Velha e nova política; aspectos e figuras de educação nacional.  São Paulo :  Companhia Editora Nacional, 1943.  (Biblioteca Pedagógica Brasileira, 40. Atualidades pedagógicas, série 3a ).

A cultura brasileira; introdução ao estudo da cultura no Brasil.  Rio de Janeiro : Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística/Comissão Censitária Nacional, 1943.

_____.   4. ed. rev. e ampliada.  Brasília : Editora Universidade de Brasília, 1963.  803 p.  il.  (Biblioteca Básica Brasileira, 4).

A transmissão da cultura; parte terceira da 5.ed. da obra “A cultura brasileira”.  São Paulo : Melhoramentos; Brasília : INL, 1976.  268 p.  (Biblioteca de Educação).

As universidades no mundo do futuro.  Rio de Janeiro : Casa do Estudante do Brasil, 1944.

Seguindo meu caminho; conferências sobre educação e cultura.  São Paulo : Companhia Editora Nacional, 1946.  (Biblioteca Pedagógica Brasileira, 46. Atualidades pedagógicas, série 3a ).

Canaviais e engenhos na vida política do Brasil; ensaio sociológico sobre o elemento político na civilização do açúcar.  Rio de Janeiro : Instituto do Açúcar e do Álcool, 1948.  243 p.

_____.  2. ed.  São Paulo : Melhoramentos, [s. d.].  il.  (Obras completas, 11).

Um trem corre para o oeste; estudo sobre a Noroeste e seu papel no sistema de Viação Nacional.  São Paulo : Martins, 1950.

_____.  2. ed.  São Paulo : Melhoramentos, [s. d.].  222 p.  il.  (Obras completas, 12).

Na batalha do humanismo e outras conferências. São Paulo : Melhoramentos, 1952.  219 p.

A educação entre dois mundos; problemas, perspectivas e orientações.  São Paulo : Melhoramentos, 1958.  239 p.  (Obras completas, 16).

Figuras do meu convívio.  São Paulo : Melhoramentos, 1960.  171 p.  (Obras completas, 17).

_____.  2. ed. rev. e aumentada.  Rio de Janeiro : Duas Cidades, 1973. 

A cidade e o campo na civilização industrial e outros estudos.  São Paulo : Melhoramentos, 1962. 267 p. (Obras completas, 18).

História de minha vida.  Rio de Janeiro : José Olympio, 1971.  279 p.

Obras em colaboração
 
Um apóstolo do progresso.  Rio de Janeiro : Anuário do Brasil, 1924. (Em colaboração com Wladimiro F. Fonseca).

Páginas latinas; pequena história da literatura romana pelos textos.  São Paulo : Melhoramentos, 1927. ( Em colaboração com Francisco Azzi).     

A reconstrução educacional do Brasil.  São Paulo : Companhia Editora Nacional, 1932.

As ciências no Brasil.  Obra conjunta com 13 cientistas organizada e publicada sob a direção e com uma  introdução de Fernando Azevedo.  São Paulo : Melhoramentos, 1956.  2  v.

Pequeno dicionário Latino-Português.  Organizado por um grupo de professores, revisto por Fernando de Azevedo.  São Paulo : Companhia Editora Nacional, 1957.

Estudos sobre o autor:

COMEMORAÇÃO  do 1º decênio da reforma da Instrução Pública do Distrito Federal de 1928.  Rio de Janeiro : ABE, 1938.

CORREIA, Alexandre.  Sociologum Habemus.  A Ordem, Rio de Janeiro, v. 15, n. 68, p. 324-331, out. 1935.

COUTINHO, Afrânio. Brasil e brasileiros de hoje.  Rio de Janeiro : Editorial Sul Americana, 1961.  v. 1.  p. 276.

CUNHA, Célio da.  Fernando de Azevedo; política e educação .  Rio de Janeiro, 1978.   (Coleção Educação Brasileira).

ENCICLOPÉDIA de literatura brasileira/Oficina literária Afrânio Coutinho.  Rio de Janeiro : FAE, 1989.  v. 1.  p. 276.

ESTUDOS Brasileiros; Informativo do Instituto Brasileiro da Universidade de São Paulo.  São Paulo, Ano 4, n. 7, ago. 1994.

FERNANDO de Azevedo na APL.  O Estado de S. Paulo, São Paulo, 28 set. 1969.

FERNANDO de Azevedo morre em São Paulo e deixa vasta contribuição à sociologia.  Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 19 set. 1974.

MARINHO, Beatriz.  Revendo um velho problema brasileiro.  Jornal da Tarde, São Paulo, 20 fev. 1988.  Caderno de Sábado.

MOREIRA, João Roberto.  Os sistemas ideais de educação.  São Paulo : Companhia Editora Nacional, 1945.

MOREIRA, Maria Luiza Penna.  Educação e transformação em Fernando de Azevedo.  Rio de Janeiro : PUC, 1981.  2  v.  (Tese).

_____.   Fernando de Azevedo: universidade e humanismo.  Humanidades, Brasília, v. 1, n. 4,  p. 123-132,  jul./set., 1983.

NISKIER, Arnaldo.  Fernando Azevedo - a educação na encruzilhada.  Revista Brasileira, Rio de Janeiro, v. 3, n. 11, abr./jun. 1997.

AOS 80 anos, morre Fernando de Azevedo. O Estado de S. Paulo, São Paulo, 19 set. 1974.

PAIM, Antonio.  O grande equívoco de uma geração de educadores.  Jornal da Tarde, São Paulo, 20 fev. 1988.  Caderno de Sábado.

PENNA, Maria Luiza.  Fernando de Azevedo : educação e transformação.  São Paulo : Perspectiva, [s.d].

PILETTI, Nelson.  Fernando de Azevedo e o poder da educação.  O Estado de S. Paulo.  28 out. 1984.  p. 4-5.

_____.  Fernando de Azevedo o educador e o humanista.  Jornal da Tarde, São Paulo, 9 abr. 1994.  Caderno de Sábado, p. 3.

_____. Fernando de Azevedo.  In : DICIONÁRIO de educadores no Brasil da colônia aos dias atuais.  Organização Maria de Lourdes Albuquerque Favaro e Jader de Medeiros Britto.  Rio de Janeiro : Ed. UFRJ, 1999.  p. 182-186.

PRADO, Geraldo M.  Lições de cultura brasileira.  Correio do Livro, Brasília, p. 2, jul./set. 1999.

REALE, Miguel.  Fernando de Azevedo, um sociólogo na encruzilhada.  In : _____.  Figuras da inteligência brasileira.  Rio de Janeiro : Tempo Brasileiro, 1984.  p. 55-73.

_____.  _____.  In : _____.  _____.  2.  ed. refundida e aumentada.  São Paulo : Siciliano, 1994.  p. 107-123.

REVISTA da Academia Paulista de Letras.  São Paulo, v. 75, Ano XXVII.

WAISBERG, Iva et al.  Homenagem a Fernando de Azevedo.  Arquivos do Instituto de Educação, v. 2, n. 4, dez., 1945.