AZZI, Riolando

     Nasceu em São Paulo a 3 de novembro de 1928. Fez o curso ginasial no Colégio São Joaquim de Lorena como seminarista salesiano de 1941 a 1944, frequentando no mesmo estabelecimento o curso de filosofia no triênio 1944-1948. Obteve a licenciatura em teologia no Pontifício Ateneu Salesiano de Turim, na Itália, tendo frequentado o curso teológico de 1951 a 1955. Cursou  História Eclesiástica na Pontíficia Universidade Gregoriana de Roma, obtendo a licenciatura em História da Igreja em 1957. De volta ao Brasil, foi professor de História da Igreja no Instituto Teológico Pio XI no período de 1957 a 1962. Em 1967 deixou o sacerdócio, assumindo o cargo de coordenador do Curso de Licenciatura Polivalente de João Monlevade, anexo à Faculdade Santa Maria de Belo Horizonte. Em 1974 trabalhou como assessor do Movimento de Educação de Base (MEB). Em 1975 esteve em La Paz, Bolívia, como assessor do Centro Nacional de Família (CENAFA). A partir de 1976 passou a atuar como pesquisador do Instituto Brasileiro de Desenvolvimento (IBRADES), no Rio de Janeiro. Em 1981 tornou-se professor de Filosofia da UFRJ, aposentando-se em 1996. Lecionou Filosofia Social, Filosofia da Religião, Filosofia na América Latina. A tese de doutorado, ainda inédita, tem como título : Razão e fé no discurso da dominação colonial.

Bibliografia:

Ascenção ou decadência da igreja?  São Paulo : Ed. das Américas, [1962].  304 p.
Batina ou Clergyman?  São Paulo : Editorial Dom Bosco, 1964.  48 p.

Latim ou vernáculo?  São Paulo : Editorial Dom bosco, 1964.  50 p.

Educación sexual, un nuevo enfoque.  La Paz : Editorial Juventud, 1975.  159 p.

História da igreja no Brasil : primeira época.  Petrópolis : Vozes, 1977. 

O catolicismo popular no Brasil: aspectos históricos.  Petrópolis : Vozes, 1978.  156 p.

O episcopado brasileiro frente ao catolicismo popular.  Petrópolis : Vozes, 1977.  115 p.

A Concepção da ordem social segundo o positivismo ortodoxo brasileiro. Rio de Janeiro : Universidade Federal do Rio de Janeiro, 1979.  327 p.  Dissertação.  (Mestrado em Filosofia).

_____.    São Paulo : Loyola, 1980.  260 p.  (Temas brasileiros, 6).

Rodolfo Komorek, uma presença entre os pobres.  São Paulo : Editora Salesiana Dom Bosco, 1981. 304 p.

Presença da igreja católica na Sociedade Brasileira.  Rio de Janeiro : Tempo e Presença Editora, 1981  138 p.

Dois estudos sobre D. Romualdo Antonio de Seixas Arcebispo da Bahia.  Salvador : Centro de Estudos Baianos, 1982.  38 p. (Publicação da Universidade Federal da Bahia, 95).  Em colaboração com Candido da Costa e Silva. 

Os primórdios da obra Salesiana: 1875-1884.  Apresentação José Honório Rodrigues.  São Paulo : Editora Salesiana Dom Bosco, 1982.  414 p.  (Os Salesianos no Rio de Janeiro, 1).

A implantação da obra Salesiana:1884-1894.  Apresentação Thales de Azevedo.  São Paulo : Editora Dom Bosco, 1983.  423p.  ( Os Salesianos no Rio de Janeiro, 2).

A organização da obra Salesiana: 1894-1908.  Prefácio Rubem César Fernandes.  São Paulo : Editora Salesiana Dom Bosco, 1983.  409 p.  (Os Salesianos no Rio de Janeiro, 3).

A consolidação da obra Salesiana: 1908-1928.  São Paulo : Editora Salesiana Dom Bosco, 1984.  445p.  (Os Salesianos no Rio de Janeiro, 4).

Os Salesianos no Brasil à luz da história.  São Paulo : Editora Dom Bosco, 1983.  181 p.

A vida religiosa no Brasil : enfoques históricos.  São Paulo : Paulinas, 1983.  213 p.
Os religiosos no Brasil : enfoque histórico.  São Paulo : Edições Paulinas, 1986.  218 p.  (em colaboração com José Oscar Beozzo).

Os Salesianos em Minas Gerais.  São Paulo : Editora Dom Bosco, 1986.  v. 1.

A igreja e os migrantes.  São Paulo : Paulinas, 1987.  2 v.

A cristandade colonial, um projeto autoritário.  São Paulo : Edições Paulinas, 1987.  233 p.

A cristandade colonial, mito e ideologia.  Petrópolis : Vozes, 1987.  152 p.

A igreja do Brasil: da apologética à renovação pastoral.  Belo Horizonte : O Lutador, 1991.  v. 2.

A crise da cristandade e o projeto liberal.  São Paulo : Edições Paulinas, 1991.  250 p.

O altar unido ao trono, um projeto conservador.  São Paulo : Edições Paulinas, 1992.  192 p.

A igreja e o menor na história social brasileira.  São Paulo : Edições Paulinas, 1992.  203 p.

O clero no Brasil, uma trajetória de crises e reformas.  Brasília : SER, 1992.  130 p.

Os bispos reformadores , a segunda evangelização no Brasil.  Brasília : SER, 1992.  152 p.

Catolicismo do povo brasileiro.  Brasília : SER, 1993.  158 p.

Filosofia da religião, enfoques básicos.  Brasília : SER, 1993.  93 p.

O Estado leigo e o projeto ultramontano.  São Paulo : Edições Paulinas, 1994.  138 p.

A neo cristandade, um projeto restaurador.  São Paulo : Edições Paulinas, 1994.  116 p.

Cinema e educação.  São Paulo : Edições Paulinas, 1996.  2 v.

História da educação católica no Brasil, a contribuição dos irmãos Maristas.  São Paulo : Loyola, 1996.  435 p.

A Igreja e os migrantes. São Paulo: Paulinas, 2000

Notas para uma história do Centro Dom Vital. Rio de Janeiro: Educam, 2001, 202 p.

Razão e Fé: o discurso da dominação colonial. São Paulo: Paulinas, 2001, 303 p.

A Sé Primacial de Salvador: a Igreja Católica na Bahia. 1551-2001. Petrópolis: Vozes, 2001

Os pioneiros do Centro Dom Vital. Rio de Janeiro: Educam, 2003, 307 p.

A teologia católica na formação da sociedade colonial brasileira. Petrópolis: Vozes, 2005, 327 p.