DANTAS, Francisco Clementino San Tiago

     Nasceu no Rio de Janeiro a 30 de outubro de 1911, bacharelando-se em direito pela antiga Universidade do Brasil (atual/UFRJ). Seguiu a carreira do magistério na antiga Faculdade Nacional de Filosofia, da qual foi catedrático e diretor, bem como na PUC do Rio de Janeiro. Advogado de renome, ingressou na atividade política na década de cinquenta, ligando-se ao Partido Trabalhista Brasileiro, legenda pela qual elegeu-se deputado federal. Na crise decorrente da renúncia de Jânio de que resultou a ascensão de João Goulart ao poder, foi ministro da Fazenda e das Relações Exteriores. Faleceu aos 52 anos, no Rio de Janeiro, a 6 setembro de 1964.

Bibliografia:

Obras publicadas em vida

Conflito de vizinhança e sua composição.  Rio de Janeiro, 1939.

Discurso pela renovação do direito.  Rio de Janeiro, 1942.  22 p.  (Coleção nova dogmática jurídica).

Novos rumos do direito.  Rio de Janeiro, 1945.

Humanismo e direito.  Rio de Janeiro, 1948.  (Separata da Revista VERBUM).

Dom Quixote : um apólogo da alma ocidental.  Rio de Janeiro : Agir, 1948.

_____.  2. ed.  rev.  Prefácio Augusto Frederico Schimidt.  Rio de Janeiro : Tempo Brasileiro, 1964.  70 p.

Rui Barbosa e o código civil.  Rio de Janeiro : Casa de Rui Barbosa, 1949.  85 p.

Dois momentos de Rui Barbosa.  Rio de Janeiro : Casa de Rui Barbosa, 1951.  127 p.  il.

Problemas de direito positivo : estudo e pareceres.  Rio de Janeiro : Forense, 1953.

A educação jurídica e a crise brasileira.  Rio de Janeiro : Revista dos Tribunais, 1955.

Reformas de base.  Rio de Janeiro : Imprensa Nacional, 1959.

Em defesa do PTB; resposta ao Deputado Carlos Lacerda.  Rio de Janeiro : Imprensa Nacional, 1959.

Política externa independente.  Rio de Janeiro : Civilização Brasileira, 1962.  258 p.  (Retratos do Brasil, 13).

Figuras do direito.  Rio de Janeiro : José Olympio, 1962.  144 p.

Produtividade : aspecto institucional.  Rio de Janeiro : Instituto de Ciências Sociais da UnBrasil, 1962.

Idéias e rumos para a revolução brasileira.  Rio de Janeiro : José Olympio, 1963.

A ALALC e o neo-subdesenvolvimento.  São Paulo, 1964.

Obras póstumas

O conflito de vizinhança e sua composição.  2. ed.  Texto definitivo de acordo com observação e notas deixadas pelo autor.  Rio de Janeiro : Forense, 1972.

Palavras de um professor.  Rio de Janeiro, 1975.

Palavras de um professor.  2. ed. Rio de Janeiro : Forense, 2001.  165 p.

Programa de direito civil; aulas proferidas na Faculdade Nacional de Direito.  Rio de Janeiro : Editora Rio, 1977.  4 v.

Discursos parlamentares.  Seleção e introdução Marcílio Marques Moreira.  Brasília : Câmara dos Deputados, 1983.  704 p.  (Perfis parlamentares, 21).

Estudos sobre o autor:

ATUALIDADE DE SAN TIAGO DANTAS. Coordenação Marcílio Marques Moreira. São Paulo: Editora Lettera, 2007, 2ª edição, 128 p.

COUTINHO, Afrânio.  Brasil e brasileiros de hoje.  Rio de Janeiro : Editorial Sul Americana, 1961.  v. 2, p. 417-418.

DUTRA, Pedro.  A polêmica sobre as elites que envolveu San Tiago Dantas e Eugênio Gudin fundamentou-se em critérios de alto nível.  Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 3 nov. 1991.  Idéias/Ensaios,  p. 4-5.

_____.  San Tiago Dantas, um fantasma no planalto.  Jornal do Brasil,  Rio de Janeiro, 26 mai. 1991.  Idéias/Ensaios,  p. 4-6.

ENCICLOPÉDIA de literatura brasileira/Oficina literária Afrânio Coutinho.  Rio de Janeiro : FAE, 1989.  v. 1,  p. 506.

JAGUARIBE, Hélio.  A proposta de San Tiago Dantas continua irretocável para um país de miseráveis.  Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 3 nov. 1991.  Idéias/Ensaios,  p. 8-9.

MENEZES, Raimundo.  Dicionário literário brasileiro.  São Paulo : Saraiva, 1969.  v. 2, p. 430.  il.

MERQUIOR, José Guilherme.  O elogio do pensador ao humanista.  Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 3 nov. 1991.  Idéias/Ensaios.  p. 6-8.

MOREIRA, Marcílio Marques.  Introdução.  A vida e obra de San Tiago Dantas.  In : DANTAS, San Tiago.  Discursos Parlamentares.  Brasília : Câmara dos Deputados, 1983.  p. 21-67.

_____.  Um perfil de San Tiago Dantas.  Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 1 fev. 1983.

RIBEIRO FILHO, J. S.  Dicionário biográfico de escritores cariocas.  Rio de Janeiro : Livraria Brasiliana, 1965.  p. 91.